Serviços de Apoio à Comercialização

Segurança alimentar e nutricional

Responsabilidade Socioambiental

CEASA

29/06/2018

Ceasas de Curitiba e Cascavel recebem campanhas de vacinação contra a gripe

Vacina Ceasa Curiitba As Ceasas de Curitiba e Cascavel receberam nesta semana, ações voltadas para as campanhas de vacinações contra a gripe. Os trabalhos foram realizados por técnicos de enfermagem das respectivas secretarias municipais e Estadual de Saúde. 

Na Ceasa de Curitiba foram aplicadas 615 doses, pelos técnicos de enfermagem do Distrito Sanitário Tatuquara. Na unidade da Ceasa em Cascavel, foram aplicadas outras 35 doses contra a gripe, pelos técnicos da Unidade Básica de Saúde do Bairro Floresta.

Durante a campanha, iniciada em 23 de abril, 2,7 milhões de doses foram aplicadas no Paraná entre as populações-alvo determinadas pelo Ministério da Saúde. Com isso, o Estado garantiu um índice de cobertura vacinal de 90%, acima da média nacional, de 83%.

Para o secretário de Estado da Saúde, Antônio Carlos Ardi, o resultado foi positivo. “Estamos entre os estados com maior cobertura vacinal. E mesmo nos grupos em que não atingimos nossa meta de vacinar 90% da população-alvo, estamos acima da média nacional”, diz o secretário.

Ele lembra que dos sete grupos alvos da campanha apenas dois deles, o de gestantes e crianças com idade acima de seis meses e menos de 5 anos, tiveram cobertura abaixo do esperado no Paraná. Entre as gestantes, 75,5% foi vacinada e entre as crianças, 72,6%. No Brasil, a cobertura vacinal nesses dois grupos foi de 71% e 67% respectivamente.

Abaixo algumas orientações adicionais feitas pelos técnicos da secretaria Municipal de Saúde de Curitiba sobre a gripe, e cuidados que devem ser adotados pela população.

Doença

A gripe (influenza) ocorre durante todo o ano, mas é mais frequente no outono e no inverno, quando as temperaturas caem, principalmente no Sul e Sudeste do país. Trata-se de uma infecção viral que afeta o sistema respiratório, mais precisamente o nariz, garganta e brônquios.

O contágio ocorre de forma direta, por meio das secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar, ou de forma indireta, pelas mãos que, após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias, podem levar o agente infeccioso direto à boca, aos olhos e ao nariz.

Orientações

A doença não costuma trazer maiores consequências. Mas em alguns casos pode haver complicações. Por isso é importante se prevenir, com cuidados com a higiene para evitar a proliferação do vírus.

De acordo com Oliveira, é preciso higienizar as mãos frequentemente com álcool gel ou lavar as mãos com água e sabonete, quando possível. Outra dica é evitar aglomerações e locais fechados.

Se tiver com os sintomas de gripe (febre, tosse, mal-estar generalizado, dor de garganta, dor de cabeça, dor no corpo, calafrios) é importante buscar atendimento médico, para receber orientação sobre a necessidade de tratamento medicamentoso com Tamiflu.

Além disso, ao espirrar, é importante manter a “etiqueta do espirro”, para evitar o contágio de outras pessoas. “Ao tossir ou espirrar, cubra a boca com a parte interna do braço", explica Oliveira. "Evite pôr a mão na frente da boca e tocar em outras superfícies, contaminando-as”.

Orientações de higiene

Lavar as mãos com frequência utilizando água e sabão ou passando álcool 70;
- Cuidar ao falar e tossir perto de outras pessoas. Ao tossir, cubra a boca com a parte interna do braço. Não coloque a mão na frente da boca, pois se tocar em outras superfícies irá contaminá-las;

Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

- Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

- Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;

- Evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas de influenza;
- Evitar aglomerações e ambientes fechados;

- Procurar manter os ambientes ventilados;

- Em ambientes que permanecem fechados deve-se realizar a limpeza com álcool 70 e evitar o acúmulo de poeira;

- Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.

Fotos: Ceasa Paraná / Divulgação

Vacinação Ceasa Cascavel Vacinação Ceasa Cascavel

Vacinação Ceasa Cascavel

Vacinação Ceasa Curitiba Vacinação Ceasa Curitiba

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.